Amphenol

Blog

Os benefícios do Mapa de Insolação Brasileiro no mercado de energia solar

21 de junho de 2022

O ano de 2022 deu um “start” ainda maior no mercado da energia fotovoltaica, justamente por ser uma energia renovável barata. Além de limpa, a energia solar é inesgotável, utilizando os raios de luz solar para gerar energia.

Claro, é preciso levar em consideração se o lugar onde pretende-se instalar a energia solar é realmente um lugar adequado para isso. Para o processo de decisão e instalação, o Mapa de Insolação Brasileiro pode ajudar. Continue a leitura e saiba como!

A ligação entre irradiação solar e energia fotovoltaica

A instalação de painéis fotovoltaicos para a coleta de energia solar precisa ser estratégica. Para garantir que a instalação seja feita em um lugar ideal, é preciso calcular em W/m² através da irradiação direta e a irradiação difusa.

A irradiação direta é aquela que representa a ação do sol em uma linha imaginária, que não sofre espalhamento na atmosfera, já a irradiação difusa é aquela que vem de todas as direções, ou seja, que foi refletida.

Por ser um país com território extenso e estar próximo à linha do Equador, o Brasil é o país que mais recebe irradiação solar no mundo inteiro, chegando a receber de 4.500 a 6.300 Wh/m² por dia.

Essa quantia de irradiação é 40% a mais que a Alemanha, que é o país que mais investe em energia fotovoltaica no mundo. Mas por que a energia solar ainda não é a fonte matriz de energia no Brasil? Por falta de conhecimento dos cidadãos e pelo custo de instalação.

O que é o Mapa de Insolação Brasileiro e quais seus benefícios?

Agora que entendemos um pouco mais sobre a irradiação solar, vamos falar sobre o Mapa de Insolação Brasileiro. O Mapa é uma medida confiável que indica quais regiões são mais propícias para a instalação de placas solares no Brasil, gerando mais energia.

O Brasil é agraciado em todo o seu território com uma quantidade gigantesca de luz solar por dia. Mesmo assim, para uma instalação mais certeira, o ideal é investir em locais que estejam no ápice da irradiação solar, ganhando assim maior força energética.

Você pode conferir quais as regiões mais promissoras acessando o Atlas Brasileiro de Energia Solar, um material oficial e rico, publicado em 2017 e com alta relevância para o cenário fotovoltaico.

O Atlas Brasileiro de Energia Solar conta com dados coletados durante 17 anos por satélite, sendo validado por mais de 500 estações de medição em superfície.

O que considerar na instalação de energia solar

Para instalação de energia solar, monte um projeto fotovoltaico analisando a necessidade do seu cliente e seus gastos energéticos. Você precisa conhecer o consumo mensal de kWh para definir a quantidade de placas solares que irá instalar. Durante o cálculo, o ideal é levar em consideração o consumo médio de kWh do último ano.

Além disso, para projetar um sistema energético que tenha uma longa vida útil, é preciso utilizar produtos de qualidade que suportem a tensão energética e a exposição ao tempo, como é o caso dos produtos da Amphenol direcionados ao segmento da energia fotovoltaica. Confira nosso catálogo aqui!

 

Fique por dentro das novidades do setor da energia fotovoltaica, confira o Blog da Amphenol. Já nos segue nas redes sociais? Seguindo a Amphenol no LinkedIn você sempre será avisado de novos conteúdos publicados por aqui.

 

Newsletter Amphenol

Cadastre-se e receba nossas novidades

Ao se cadastrar você concorda com nossos termos de política de privacidade.

Receba nossas novidades

Ao se cadastrar você concorda com nossos termos de política de privacidade.